Quem Somos

Criada em 21 de fevereiro de 2009, a Associação de Proteção dos Animais SOS Vira-Lata de Criciúma/SC tem o intuito de estimular o amor, o respeito e a proteção aos animais, sejam eles domésticos ou silvestres, bem como divulgar e fiscalizar o cumprimento das leis que protegem os animais.

A Associação também auxilia e apoia as pessoas para ajudarem, dando assistência a animais abandonados, estejam eles doentes, feridos ou vítimas de crueldade, abuso ou maus-tratos. Realizamos também projetos de amparo aos animais recuperados encaminhando-os para adoção, doando para pessoas de idoneidade comprovada, que se comprometam em dar-lhes tratamento adequado e digno, mediante a assinatura de um termo de responsabilidade e sujeito à fiscalização por parte desta entidade.

Sob o registro número 001225 de 11 de abril de 2010, conta com um grupo de voluntários e alguns parceiros, que por amor aos animais, dedicam seu tempo para promover ações que visam a proteção e bem-estar dos mesmos. Os recursos que mantém a Associação provém de doações de simpatizantes pela causa e realização de eventos, uma vez que não recebemos incentivo dos orgãos públicos ou privados.

Estão entre os objetivos da SOS Vira-Lata promover o controle do crescimento da população animal através de castrações, desenvolver parcerias que visem a proteção dos animais e seu bem estar, além de promover e difundir a consciência quanto ao respeito e cuidado com os animais, através de campanhas educativas, conferências, feiras de adoção, publicações nos meios de comunicação.

Desde o início de seus trabalhos, a SOS Vira-Lata já encaminhou cerca de mil* animais, entre cães e gatos, para adoção. Estes bichinhos agora têm um lar e uma família onde podem viver com segurança e amor. Grande parte dos adotados já está castrada, colaborando para diminuir a superpopulação de cães e gatos errantes na cidade.

Para continuar com as suas atividades, a SOS Vira-Lata precisa da colaboração de todos. A sociedade pode ajudar de várias formas: doando dinheiro, ração, medicamentos, oferecendo abrigo temporário aos animais encontrados, participando voluntariamente das ações promovidas e denunciando às autoridades os casos de maus tratos e abandono.

* Dados de janeiro de 2012, contabilizando as feiras realizadas e as adoções encaminhadas por nossos voluntários.